Quiroprática

osteopatia
osteopatia

A Quiroprática recorre a uma metodologia única, visando a recuperação da actividade e da capacidade de resposta do sistema nervoso, através da restauração do tónus neurológico. Sendo frequente analisar os resultados, primariamente, no funcionamento da coluna e das articulações, a Quiroprática tornou-se o verdadeiro líder no tratamento, sem medicamentos, de síndromas de dor relacionados com a coluna. Todavia, a sua aplicação tem um impacto na saúde que vai muito para além da mera redução da dor.

 

A profissão Quiroprática reconhece a supremacia do sistema nervoso em todos os aspectos da saúde, na nossa actividade e no nosso bem-estar. A Quiroprática trata, de modo muito particular, a relação existente entre o sistema nervoso e a coluna, e no seu melhoramento. Os Quiropráticos, enquanto elementos das equipas de saúde, recorrem a formas de tratamento que podem beneficiar um bom número de pessoas e solucionar problemas.

Como profissional de cuidados de saúde primários, o Quiroprático pode avaliar a necessidade e reacção de um indivíduo ao submeter-se a um tratamento Quiroprático, considerando devidamente os possíveis benefícios para a saúde disponíveis através de um tratamento Quiroprático e, se necessário, associando-os com outra especialidade médica apropriada.

 

Embora muitas vezes a primeira visita do paciente seja motivada pelo tratamento de dores nas costas, dores no pescoço ou dores nos ombros, a principal função da Quiroprática não é o tratamento da doença ou lesão mas sim a melhoria da saúde através da normalização e equilíbrio do fluxo de energia do sistema nervoso.